Mega vazamento de dados será investigado pela ANPD e pelo Supremo Tribunal Federal

Por Rafaela Gomes Alves



Após mega vazamento de dados atingir mais de 220 milhões de brasileiros, incluindo pessoas falecidas, a ANDP (Autoridade Nacional de Dados) acionou a Polícia Federal para que investigue a ocorrência.


Além disso, o Ministro Alexandre de Moraes determinou que seja investigado o vazamento de dados pertencentes aos 11 ministros que compõem o Supremo Tribunal Federal. A investigação vai correr juntamente com o inquérito das Fake News, que já está em andamento e apura notícias falsas e ameaças emitidas contra os membros do STF.


Em janeiro de 2021, descobriu-se que dados pessoais de 223 milhões de brasileiros foram divulgados em um fórum online, acessado justamente para a comercialização. As informações indevidamente divulgadas incluem nome completo, CPF, sexo, fotografias, benefícios do INSS, score de crédito, dentre outras.


No momento, ainda não se sabe quem é o responsável pelo vazamento e qual foi a fonte utilizada para acessar as milhares de informações.


Caso necessitem de quaisquer esclarecimentos adicionais, permanecemos à disposição.


Ficou com dúvidas ou gostaria de maiores informações sobre o tema? Entre em contato conosco para que possamos melhor orientar.


3 visualizações0 comentário

©️ ️ Copyright 2020 – Vezzi, Lapolla Mesquita Advogados.

  • White Instagram Icon
  • LinkedIn - Círculo Branco